Ele foi preso na Itália por roubar comida quando estava com fome. Agora a suprema corte tomou uma decisão

maio 9, 2016  —  By

Infelizmente é comum no Brasil encontrarmos pessoas com fome e frio que muitas vezes, não encontram lares ou algo para comer e muitas vezes, precisam “furtar” comida.

Mas, um caso que aconteceu na Itália abre um precedente para rever esse tipo de condenação. A Suprema Corte do país anulou a condenação do romeno Roman Ostriakov, preso por roubar queijos e salsichas no valor irrisório de 4 euros. Os juízes concluíram que Ostriakov levou os alimentos pela necessidade básica de se alimentar, e não considerou isso um crime.

1 ele foi preso na italia

Publicidade

Elogiada pelos principais jornais da Itália, a decisão da Corte demonstrou que o direito à sobrevivência deve prevalecer sobre o direito à propriedade.

Vamos torcer pra essa moda pegar por aqui e em todo o resto do mundo!

Loading...